Pular para o conteúdo
visao

Confira os três edifícios mais altos do mundo

Essa é para quem não tem medo de altura e de olhar as coisas beeem lá de cima. Imagina só estar a mais de 800 metros do chão? Pode até ser que bata um friozinho na barriga, mas o melhor desses lugares é que a vista para a cidade é incrível. Então, confira os três edifícios mais altos do mundo e já coloque na sua lista de locais para visitar. Veja só!

1. Burj Khalifa (Dubai, Emirados Árabes), 828 metros

Antigamente, o prédio era conhecido como Burj Dubai, mas o local é famoso por ser considerado o maior arranha-céu já construído pelo ser humano. São 160 andares distribuídos entre os 828 metros de altura. Além de toda a linda vista que o local é capaz de proporcionar a quem visita, é válido saber que o novo nome do prédio é uma homenagem a a Khalifa bin Zayed Al Nahyan, xeique do emirado de Abu Dhabi. Tal tributo se deu porque Nahyan emprestou 10 bilhões de dólares ao emirado de Dubai como forma de evitar que eles dessem um calote ao longo da construção do edifício.

2. Shanghai Tower (China), 632 metros

Localizado em Pudong, distrito financeiro de Xangai, na China, o edifício foi inaugurado no ano de 2015 e possui 128 andares. Além disso, o prédio ocupa em torno de 380 mil metros quadrados de área total. De acordo com informações sobre o escritório de arquitetura que cuidou da construção do edifício, o local nada mais é do que uma cidade autossuficiente dentro de Xangai. Por lá estão empresas, dois hotéis, espaços culturais, boutiques e restaurantes. Claro que no último andar existe um observatório, com uma vista incrível da cidade.

3. Makkah Royal Clock Tower (Arábia Saudita), 601 metros

O edifício faz parte do complexo Abraj Al Bait Towers, localizado na cidade de Meca, a poucos metros da maior mesquita do mundo: o Masjid al Haram. Inaugurado em 2012, possui esse nome por conta do enorme relógio localizado no topo do prédio. E não para por aí, também possui o hotel mais alto do mundo e a maior área coberta de um edifício. Além disso, o local também tem um museu islâmico, um observatório e uma enorme sala de oração com capacidade para cerca de 10 mil pessoas.